Conheça um pouco melhor do universo dos papéis e suas espeficicações. Com isso, você conseguirá extrair o que cada papel pode lhe oferecer para seus trabalhos alcançarem o máximo da qualidade de impressão e da perserção tátil.

Especificações:

Gramatura
É a expessura da folha de papel em G/M2. Esse peso obtem-se pesando 1m2 do papel. Quanto mais pesado, mais expesso e consequentemente seu custo final aumentará. Uma dica, é sempre usar mais de gramatura baixa para postagem nos Correios, que o custo é baseado em Kg.

Formato
Os melhores formatos, são os que possibilitam um melhor aproveitamento de corte na "folha inteira", 66x96 cm. Uma dica, tomar como base a folha de sulfite A4, 21x29,7 cm. Ou o dobro do A4, ou sua metade, ou 1/4 de formato e assim por diante.

Cor do papel
Abuse da sua criatividade e combine a cor do papel com as cores da impressão. Você terá ótimos resultados. Não são todos os tipos de papéis que tem essa possibilidade, o couchê só existe em branco. A linha Color Plus da Arjowigns é uma referência de mercado. Uma dica, é muito mais viável pintar um papel de preto, por exemplo, que comprar um papel preto.

Textura
A textura também tem uma linha de papéis limitada. Mas, existem lindos papéis também da Arjowigns, como o linho, telado e casca de ovo. Uma combinação entre papel com textura e papel liso dá um toque especial a suas impressões, como convites de casamentos. Uma dica, papéis com textura não tem uma qualidade de impressão 100% em máquinas digitais. Isso já não ocorre na impressão convencional (off-set).

Abaixo, os tipos de papéis mais usados e seus nomes comerciais:

OFF-SET: Uma ótima referência, é o papel sulfite. O nome comercial do papel sulfite, é OFF-SET. Suas gramaturas mais comuns são: 75g, 90g, 120g, 180g e 240g. Por não ter sua superfície 100% lisa, não possibilita uma qualidade 100% nas impressões digitais. Mas, é um ótimo papel para apostilas e cadernos.

POLEN: Papel levemente amarelado, comumente utilizado para publicações de livros por proporcionar uma leitura mais agradável. Suas gramaturas mais comuns são: 75g, 90g, 120g, 180g e 240g.

COUCHÊ BRILHO ou FOSCO: Este é uma ótimo papel, sua superfície super lisa proporciona uma ótima impressão tanto digital como convencional. Por conter gesso em sua massa, é um papel pesado e não muito firme. Você encontrará papel couchê L1 e L2, com acabamento fino de um lado ou dos dois lados respectivamente. O mais usado é o L2. Suas gramaturas mais comuns são: 90g, 115g, 150g, 170g, 240g e 300g.

VERGÊ: Este papel possui textura, como se fosse camadas de papéis sobrepostas. É uma papel muito usado em receituários médicos. Suas gramaturas mais comuns são: 75g, 180g e 240g.

COLOR PLUS: São papéis fabricados com massa colorida. Comumente usados em convites de casamento. Você pode facilmente identificá-los olhando suas bordas, elas são da mesma cor da superfície. Cuidado na escolha de papéis muito escuros, você poderá ter problemas na impressão digital e convencional, pois a tintas padrão não sobrepoem a coloração do papel. Suas gramaturas mais comuns são: 75g, 120g, 180g e 240g.

SUPER BOND: Originalmente, era um papel feito todo com pasta, usado pelos norte-americanos na impressão de títulos da dívida pública (bonds); a denominação se estendeu depois aos papéis de carta com bastante cola, relativamente leves e constituídos de pasta de trapos, pasta química de melhor qualidade, ou mistura de ambos. Suas aplicações são em formulários contínuos, cadernos, blocos, envelopes, talonários e serviços gerais de escritório.

CARTOLINA: Cartolina e Papelão é um intermediário entre papel e o papelão. É fabricada diretamente na máquina, ou obtida pela colagem e prensagem de várias outras folhas. Conforme a grossura, diz-se cartolina ou papelão. Na prática diz-se cartão, se a folha pesar 180 gramas ou mais por metro quadrado; menos que isso, é papel. A distinção entre cartolina e papelão costuma-se fazer pela grossura; é papelão quando supera o meio milímetro. Os papelões são compostos de diversos tipos de pastas, segundo a sua finalidade e utilização. São de pasta mecânica, pasta de palha, pasta mecânica com química, para obter mais resistência; para o papelão gris a pasta é usada com papéis e restos de trapos, manilha e outros. Suas aplicações são em pastas, fichas, cartões e é de uso escolar.

CARTÃO TRIPLEX: Cartão com duas camadas de celulose branca, miolo de celulose pré-branqueada e cobertura couchê em um dos lados. Suas aplicações são em capa de livros em geral, embalagens para produtos alimentícios, cosméticos, impressos publicitários, produtos que exijam envase automáticos e pastas.

CARTÃO DUPLEX: Cartão com três camadas, duas com celulose pré-branqueada e a terceira de celulose branca com cobertura couchê. Suas aplicações são em capa de livros em geral, cartuchos em geral (para produtos farmacêuticos, alimentícios, higiênicos), embalagens de disco, embalagens para eletro-eletrônicos, embalagens para brinquedos, vestuários, displays e laminações em micro ondulado.

PAPEL JORNAL: Produto á base de pasta mecânica de alto rendimento, com opacidade e alvura adequadas. É fabricado em rolos para prensas rotativas, ou em folhas lisas para a impressão comum em prensas planas. A superfície pode, ainda, variar de ásperas, alisada e acetinada. Suas aplicações são em tiragens de jornais, folhetos, livros, revistas, material promocional, blocos e talões em geral.

PAPEL KRAFT: Papel muito resistente, em geral de cor pardo-escuro, e feito com pastas de madeira tratada pelo sulfato de sódio (Kraft = força). É usado para embrulho, sacos e sacolas.

PAPÉIS RECICLADOS: Esses papéis são reciclados, constituindo de 50% papéis aparas (sobra de papel), sem impressão. O restante variam de 20-50% de papéis impressos reciclados pós-cosumido, variando de acordo com o efeito que se deseja obter. Além de alguns mais específicos que são reciclados em 100%, outros utilizam-se de anilinas em processo exclusivo de fabricação. Todos os papéis oferecem uma variedade muito grande de cores e textura, proporcionando ao usuário um resultado diferenciado dos papéis freqüentemente utilizados. É ideal para impressões finas em livros de arte, hot stamping, relevo seco, obras de arte, efeitos de porcelana, impressão em jato de tinta e impressão à laser.

Central de Atendimento

Siga-nos